26
jan
09

No More Tears – Ozzy Osbourne

Pois é meu povo!!! Eu voltei, depois de um longo e tenebroso inverno pra fazer mais resenhas!!! IEEEEEEEEEEEEEI…

E a resenha de hoje é de um álbum super “novo” também… rs… (Assumo … estou ouvindo muita velharia… por isso as resenhas são de CD’s antigos!!!)…

Com vocês …

No More Tears - Ozzy Osbourne

No More Tears - Ozzy Osbourne

Então vamos à resenha…
MR. TINKERTRAIN – Sr. Trem de Brinquedo, isso parece um pouco infantilizado, mas se você prestar atenção na letra, ou trata-se de um estuprador, ou de um pedófilo, mas o lance é que a música é super sensual, fala o tempo todo de sedução, aquela coisa de “o estranho que oferece doces pra criancinha e a criancinha no auge de sua inocência aceita”. O clima todo da música se envolve em mistério e sedução. Não digo pra você, caro leitor, usar Mr. Tinkertrain como trilha sonora de um strip-tease para a pessoa com quem você tem ou virá a ter uma relação mais “aprofundada”, mas que ela gera um certo clima… ah, isso gera!!!
I DON’T WANT TO CHANGE THE WORLD – Uma das músicas mais anti-ativismo que eu já ouvi, acho que só perde pra EAT STEAK do Reverend Horton Heat, é praticamente uma declaração do Tio Ozzy de “apertei o botãozinho do ‘foda-se’ e estou deixando o barco correr!!!”
MAMMA, I’M COMING HOME – Clássica do CD, todo mundo já ouviu essa música ao menos uma vez na vida, então acho desnecessária uma análise dela. Cada um aqui tem uma opinião sobre isso certo ?!?!?! Okay, next please!!!
DESIRE – Dane-se o Ozzy, nessa faixa eu vou particularmente falar do Zakkão o grande amor da minha vidinha!!! O que são os harmônicos artificiais dele nessa música alguém poderia me dizer ??? Zakkão ainda era Zakkinha na época que esse CD foi gravado, mas já matava a pau na Bullseye dele!!! Ai ai… só suspiros…
NO MORE TEARS – Faixa título do CD, assim como Mamma, I’m Coming Home, todo mundo já ouviu pelo menos uma vez, já viu o clipe umas 300 vezes no “Piores Clipes do Mundo” na época que o Mion apresentava, porque apesar da música ser sensacional, o clipe é bem tosquinho, devo dizer. O piano dessa música é brilhantemente executado por nada mais nada menos que… ZAKK WYLDE… sempre ele… guitarrista exímio, pianista melhor ainda e quem sabe um dia, pai dos meus filhos!!! Rs…
S.I.N. – S.I.N. lembra muito algumas músicas que eu tenho escrito pra minha banda… é algo bastante modafocker rs… E é só isso o que eu tenho a dizer sobre essa música.
HELLRAISER – Sinceramente… mesmo com os solos fantásticos de Zakkão nessa música, eu ainda não consegui criar uma opinião/resenha sobre ela, portanto, next please!!!
TIME AFTER TIME – Não, não é a música da Cindy Lauper, apesar de ter o mesmo título e de ser fossinha também, o cu nada tem a ver com as calças, devo lembrar que esse CD foi o primeiro que Tio Ozzy fez depois de largar as drogas, portanto, Time After Time trata justamente do período de abstinência!!! Apesar da melodia “calminha” a letra é super sombria, vale a pena ouvir.
ZOMBIE STOMP – Versão heavy metal de Thriller do Michael Jackson praticamente… rs… Já viram aquela Zombie Walk que rola todo ano na Paulista no dia de Finados, essa música pode ser considerada a música tema da Zombie Walk.
A.V.H. – A introduçãozinha dessa música muito faz pensar que a história da música se passa num filme western bem antigão, daqueles do Clint Eastwood, mas aí o Zakkão entra fritando e tuuuuuuudo muda de figura, só não descobri ainda o significado da sigla… quando eu descobrir eu faço um update aqui!!!
ROAD TO NOWHERE – Bom, já que Time After Time era a música da abstinência, Road to Nowhere é justamente a música que fala do “durante”, do “enquanto” , ou seja, do período em que o Ozzy ainda chapava o globo geral com qualquer coisa que ele visse na frente dele.
DON’T BLAME ME – A intro é muito parecida com I Don’t Want to Change the World, aliás, Don’t Blame Me se assemelha muito a uma continuação de I Don’t Want to Change the World, continua no clima anti-ativista, no qual Tio Ozzy se exclui completamente de toda e qualquer culpa por qualquer problema que venha a afetar a vida de quem convive com ele, ou não.
PARTY WITH THE ANIMALS: Essa é bonus track!!! Mas devo dizer que ouvi bem pouco dela e ainda não formei uma opinião concreta. Mais assunto pro update!!!
CONSIDERAÇÕES FINAIS – Em suma, Ozzy Osbourne dispensa comentários, Zakk Wylde também, o primeiro CD que marca a união dos dois então… nem se fala… E é só o que eu tenho a dizer!!!
Anúncios

0 Responses to “No More Tears – Ozzy Osbourne”



  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: